Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Linha esquerda

Blog mais virado para a política, tudo feito pelo telemóvel, perdão pelas gaffes. Mas algo para lerem nos transportes públicos ou onde quiserem. Leitura sempre rápida!

Linha esquerda

24
Set18

A esquerda esta a "cafricar" a direita


Raf

Boas, podem pesquisar o termo no Google, deixo ao critério do leitor se acha correto ou não! A razão é que as forcas politicas de direita em Portugal não tem resposta á produtividade económica (sem austeridade) que vivemos, o “pequeno” já esta em melhores condições de viver.
O “grande” infelizmente sempre será impunível ás politicas de cortes, mas vamos admitir que fica mais difícil acumular fortuna com o tal olho de cima, a observar os movimentos. O desespero leva á tentativa de acumular fundos lambendo as botas de instituições privadas, sim! Essas que estão livres das correntes do estado e conseguem criar lobbys poderosos. Ficam então na mão de corporativas, vendem se por barato e desespero total, ameaçando a nossa constituição e o nosso dia a dia. 
Vou ser sincero, as vezes questiono-me porque escrever tanto, sobre assuntos destes. Não é propriamente uma paixão! Mas egoistamente vejo como um processo de aprendizagem, vamos partir do ponto que adultos leem estes textos, são mentes já formatadas! Mas podem fraturar um pouco por o que escrevo. O que é satisfatório para mim. Não quero desinformar, mas sim exercitar o cérebro.
Voltando ao assunto, já tenho a visão de que futuro gostava para o pais, é um risco que tomo, ainda falta muito e com certeza não sou Nostradamo, mas em um país sem cultura de bajulação, com patrões que respeitam os seus trabalhadores e linhas de pensamento mais compactas podemos seguir o caminho. Somos pequenos mas podemos olhar a europa de frente! Afinal quem são os heróis do mar? Marchamos contra o que?
Já estou a divagar, portanto para terminar o meu raciocínio, vejo uma direita sem respostas, com cofres medianos, sempre á procura de mais. A aliança ao privado é cada vez maior! 
E por favor não caiam no erro de sempre os aclamar em tempos “mais complicados”, são abutres que fingem encher a carcaça de carne enquanto a depenam, porque a base ordena sempre mais lucro! Não o fazem pela luta do cidadão comum, mas a sim dos patrões e oligarcas.
Sem ofensa a ideologias. Sempre positivo!