Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linha esquerda

Blog mais virado para a política, tudo feito pelo telemóvel, perdão pelas gaffes. Mas algo para lerem nos transportes públicos ou onde quiserem. Leitura sempre rápida!

Linha esquerda

16
Dez18

A realidade


Raf


Boas, vou continuar a série de posts de raciocínios que podem ser contemplados de diversas maneiras, são escritos com ambiguidade, e levantam questões para debate menos figurativos ou com respostas definidas.


A realidade, tem imensas facetas, com ela poderia criar um exercício contínuo, desfigurando perceções dogmáticas e regras conceituais. Como a palavra abre um mundo imenso, vou em algumas linhas neste texto, cruzar ideias e pensamentos contemporâneos da sua presença nas nossas vidas.


A verdade é que a “realidade” é de uma polissemia incrível, cada um vive a sua ou vivemos todos a mesma? O seu debate pode levar qualquer um questionar a sanidade do estereotípico individuo sã, mas para discutir a realidade, com alguém que realmente gosta de desafios, e tem a mente aberta, teremos de largar ideias pre concebidas e entrar em um mundo único e muito rico intelectualmente.


O seu conceito linguístico é extraordinário, pois permite especulação e a quebra de qualquer regra estabelecida. Pode ser perigoso, mas é excitante questionar a realidade, pois permite desenvolvimento, e ganhos em todos os aspetos e áreas possíveis á imaginação. A realidade é também o motor de qualquer veiculo de vida, é a mãe de todos os processos e mais velha que o Big Bang. Pode assustar como pode maravilhar.


Tem também a utilidade de mapa e guia para a vida, ultrapassa a nossa capacidade de conhecimento, mas nunca se esconde, está constantemente a dar pistas do que o futuro traz. Basicamente em termos menos complexos e retirando, as propriedades iluministas que escrevi. É algo para se contemplar antes de qualquer decisão, e a sua distorção ideológica pode ser muito danosa.


Aqui fica, um pouco da realidade.

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D