Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Linha esquerda

Blog mais virado para a política, tudo feito pelo telemóvel, perdão pelas gaffes. Mas algo para lerem nos transportes públicos ou onde quiserem. Leitura sempre rápida!

Linha esquerda

02
Dez18

Banco alimentar


Raf

Banco alimentar

 

Boas vou exercer o meu direito a opiniao cordialmente, peço apenas alguma atenção para não existir uma mal interpretação.

Vou isolar o Banco alimentar, que detém a maior rede de apoio alimentar e colaboradores no país.

 

Polemicas de como são distribuídos os alimentos á parte, pedem dos portugueses, atributos como: generosidade, bondade e humanidade, mas talvez uma grande "virtude" partilhada com o nosso governo que menos nos apercebemos, o descaramento! 

 

Não quero entrar em narrativa simplista, mas para onde vão os nossos impostos? Não chega para tudo? Essa resposta peca muito para mim. Sou apologista de iniciativas para os mais carecidos, mas não quero me lembrar destes indivíduos que sofrem necessidades, apenas quando vou ás compras ao continente ou mini preço. Não desejo um falso sentido de trabalho feito quando faço a caridade.

 

Existem algumas organizações sem lucro, criadas por cidadãos de bem, mas estas necessidades de ajudas ao mais basico dos pedidos, como a alimentação, não nos devia dar o alerta?

Culpo sem piscar 2 vezes o nosso sistema económico, pois os ganhos anuais de alguns CEO's (portugueses) conseguiam abater e muito a pobreza no país.

 

Com o compadrio do Estado, a inequalidade extrema, de pedir uma subcarga extra nas compras de alimentos básicos á minoria de poder económico (nós) existe. 

É apenas um pacote de leite! Ou feijão, Sim! E se eu te disser que existem pessoas que podiam contribuir com mil?

 

Tratasse de uma vergonha como cidadão, testemunhar este tipo de pedidos, que saciam por pouco tempo a fome de sem abrigos e famílias desprotegidas. É uma batalha travada por boas pessoa, que tentam malear o sistema.

Sou a favor de igualdade económica sem benefícios para quem mais trabalha? Posso até não ser, mas sou a favor de igualdade de poder  comer e beber alimentos saudáveis, um direito universal a Todos

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D