Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Linha esquerda

Blog mais virado para a política, tudo feito pelo telemóvel, perdão pelas gaffes. Mas algo para lerem nos transportes públicos ou onde quiserem. Leitura sempre rápida!

Linha esquerda

02
Nov18

Consumo moderno


Raf

O pecado da era moderna. 

Somos influenciados desde os momentos que os nossos sensos despertam, para comprar e comprar. 

Como miúdo lembro me de ver TV e apreciar os anúncios para a minha faixa etária, imediatamente pedia a minha mãe todos os brinquedos que via, (que uma semana depois deitava fora). Já que em criança a visão do dinheiro é turvada.

Eles conseguiram! Todas as escadas da evolucao da vida humana, tem mercado de compra, direta ou indiretamente. 

Um produto da sociedade modelo.

Com o crescimento de todas indústrias, após o "big bang" industrial dos 1880s, a ideia de conforto e satisfação nos países modernos, mudou.

Quando antes a procura de hobbys tinha em base, sair fora em uma caminhada, ou cuidar de nós com leitura e estudo, mudou para um Sunday de caramelo e filme em casa á noite. Eu próprio admito que caio neste rótulo.

Eles estão a criar robôs, que vêm no consumismo a resposta aos desafios da vida. Muitas empresas "respeitáveis" consideram estes hábitos positivos, e quem são eles? Empresas de produção de material diverso que lucram milhões, utilizando variados meios de comunicação, para vendas e escoamento de stock o mais rápido e eficiente possível.

Financiam o falso estilo de vida, que dita só existir satisfação quando adquirirmos os seus produtos. 

Já ouviram falar do rico que comprou tudo que estava à venda mas continuou triste? Pois! O que os grandes comércios nos vendem são um breve sentido de realização interna, porque a seguir, já tem algo novo para vender. É continua o ciclo para o abismo.