Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linha esquerda

Bem Vindos! Blogue de poesia, desfrutem! Welcome! Poetry blog, enjoy your stay!

Linha esquerda

Bem Vindos! Blogue de poesia, desfrutem! Welcome! Poetry blog, enjoy your stay!

02 Jul, 2020

É ela?

E vai assim, cru, veia poética A sinfonia toca Bach, melodia academica O poeta do povo, isto está na veia Primeiro de hoje Ando a sonhar com uma sereia Linda e completa, daquelas que fez Tróia entrar em guerra Lado sentimental, dói sempre quando ela Não responde ou fica só naquela A polémica foi de vela, a 100% Nao vou repetir a mesma novela Estado calmo, poesia sem sequelas Duro e sereno, esperando o momento Coração em fogo, acreditando no supremo.. Se aí estás, ouve me este apelo Poeta sem alma gémea, perde todo o seu apelo Rejeição não é o medo Oportunidades querida, não quero só ir ao pelo Poesia doce e quente Brincando de vidente, imaginando intimidade Serei o teu brinquedo Isto é feito bem sereno , não sejas feita de gelo Vê o mau, mas compreende o que é desespero Romântico de nascença, dedico te este poema Não fico quieto, quero abranger todos os temas Mereces alegrias, um homem que te oiça com antenas Vida é pequena, com isto termino o poema É ela? 02/07/2020

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.