Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Linha esquerda

Bem Vindos! Blogue de poesia, desfrutem! Welcome! Poetry blog, enjoy your stay!

Linha esquerda

Bem Vindos! Blogue de poesia, desfrutem! Welcome! Poetry blog, enjoy your stay!

23 Fev, 2019

Orgulhoso (poema)

Meu pai, meu irmão, meu xára

A simplicidade de uma união

Somos guerreiros tribais

Reis e príncipes,

De um continente do Sul

Somos alvo de inveja

Ódio e persecução 

Vimos, chegamos, conquistamos

Temos trabalho pela frente 

Educar e alimentar os nossos 

Incutir respeito e amor 

A pequenos 

Fazer tranças e amar

As pequenas

Envoltos em cânticos antigos

Peço que se levantem 

Cortem a mata, e abram as portas 

Estamos aqui para ficar

E ninguém nos vai impedir 

 

Minha mãe, minha irmã

Minha confidente

És dona e patroa do teu destino

Acalma nos em tempos vigorosos 

Protege nos do mau olhado 

Identifica nos no meio do palco 

Lança nos o teu feitiço 

Partilha o teu abrigo

Não desconfie, dos nossos desejos

Tem força! Tem coragem! 

Tem paciência! 

 

Cassule! Muleque! Semente

Ouve o que te transmitem

Continua abrir caminho

És descendente de guerreiros 

És descendente de lutadoras 

Dá-me razão de orgulho  

Abraça a memória, de quem

Por ti lutou, ultrapassa o céu 

Demonstra a nossa força 

Mas não te preocupes

Eu vou estar aqui, em cada queda 

É o meu trabalho, neste mundo 

 

 

Não me esqueci de ti velhote 

Meu amigo, meu camba, meu exemplo de vida 

Pois continua a explicar o porque

Continua a explorar o como

Dá-me conselhos de vida 

Entrega me o teu conhecimento

Senta te a mesa e faz me

Rir, chorar, pedir por mais

Pois o teu legado vai ser 

Personificado em mim

O teu discípulo, o teu para sempre 

Admirador. 

 

Orgulhoso 23/02/2019