Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Linha esquerda

Blog mais virado para a política, com alguns comentários mais cómicos, tudo feito pelo telemóvel, perdão pelas gaffes. Mas algo para lerem nos transportes públicos ou onde quiserem. Leitura sempre rápida!

Linha esquerda

21
Ago18

Santana ja está na hora!! Não só mais um jogo!!


Raf


Boas, peço desculpa pela tentativa de piada do titulo.
Hoje vou comentar um dos temas quentes na nossa esfera política, nada mais que o "Aliança'' novo partido do ex (muito breve) primeiro ministro de Portugal! Pedro Santana Lopes.
O que eu vi como uma birra após derrota direta pela liderança do PSD, este partido Aliança, parece ter contornos mais interessantes.
Vou escrever com a vaga informação que recolhi, é apenas um prólogo, mais informação virá concerteza.
Ja parece ter forma e algumas medidas estratégicas, estranho apenas a velocidade com que foi fundado, já previa derrota? Era esse o rumo que o PSD seguiria se tivesse ganho? Enfim.
Antes de mais não posso prever o sucesso desta aventura, se a ideia for conquistar parte da base de votos do PSD que se encontra (na minha opinião) enfraquecido, terá margem de manobra pequena pois ao mais pequeno susto, Rio é posto de lado pelas vozes que começam a questionar a sua liderança. Do CDS-PP apanhará Cristas que vê como benéfico qualquer aproximação a um partido de direita.
Passará também por os mais jovens, que não mostram muito interesse nesta área. Pode ser que consiga mudar a maré.
O grande teste não são as assinaturas, essas Santana consegue de certeza, o teste vai ser a maneira como se desmarcará do PSD, vamos então por partes comentar o que entendi das suas propostas na área da saúde, economia e segurança social.
Saúde e SS: Santana comenta que se deve estimular o SNS, concordo como deve concordar o país inteiro mas deixa por alto uma declaração que me confunde e cito o próprio "investimento em seguros de saúde eficazes ficando o estado ao encargo de aliviar a carga fiscal" então melhorar o SNS fica na mão das seguradoras privadas? Se estiver errado na minha leitura sou aberto a corrigir. Não deixou de mencionar instituições como a Santa Casa , que durante a sua liderança e estadia o mesmo monopolizou jogos de apostas e azar, fechando o mercado a companhias que estavam dispostas a pagar impostos pesados para prestar serviços em Portugal. Isto apenas um aparte.
Na área da economia, esta sim fiquei espantado com a menção do "terceiro setor", da economia social, mas fica muito por explicar, na minha opinião pessoal o que vi na santa casa, os salários de gestores, os desvios não ponho muita fé na conversa. Se alguém tem de implementar esta interessante resposta económica ao capitalismo sem escrúpulos, não penso ser este partido. A ver vamos!
No sistema político português, quer implementar uma democracia de Senado, não teria que se mudar a constituição para tal? Outra vez, não li o suficiente.
Vou terminar com o que entendi sobre a plataforma de comunicação, vai ser fortemente implementada online, e em apps. Agora é so esperar para ver que "amigo" vai colocar banners e propaganda do partido nas páginas mais lidas da web em Portugal.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D